1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016

Todo mundo tem vontade de ter sua casa própria, seu aconchego, um lugarzinho para chamar de seu. O Governo Federal em parceria com a Caixa Econômica Federal e com os estados criou o Programa Minha Casa, Minha Vida, no ano de 2009. Após um ano de atividade, conseguiu atingir a meta oficial de 1 milhão de contratações.

O Programa Minha Casa, Minha Vida tem como objetivo diminuir o índice do déficit habitacional brasileiro, que comparado aos outros, é considerado um dos piores índices do país. Consiste na construção ou requalificação de imóveis.

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016 (Foto: Divulgação)

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016 (Foto: Divulgação)

Como fazer a inscrição:

Se a família ganha até R$1.600 reais por mês, pode fazer o cadastro pela prefeitura da sua cidade, sem pagar taxa de inscrição. Não pode possuir um imóvel e tem que estar de acordo com as regras do programa, ter capacidade civil, ser brasileiro ou possuir visto permanente.

“O processo de seleção das famílias ao Programa é realizado pela Prefeitura dos municípios onde as famílias residem ou pelo Governo do Estado/Distrito Federal. As famílias que passam na seleção realizada pela CAIXA serão comunicadas sobre a data de sorteio das unidades e da assinatura do contrato de compra e venda do imóvel. O Programa também tem cotas especiais para idosos, pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida.”

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 6(Foto: Divulgação)

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016 (Foto: Divulgação)

Quem não pode se inscrever:

Famílias que já receberam ajuda habitacional da União; Quem já esta no CADMUT e no CADIN; quem é dono, cessionário, comprador ou usuário de imóvel no PAR; Possui financiamento de imóvel residencial; Quando o conjugue ou o próprio for empregado da CAIXA.

Se a inscrição for aprovada:

O pagamento poderá ser feito em até 120 prestações; o valor da prestação mensal será de 5% da renda bruta familiar e nunca inferior a R$25,00. Geralmente o contrato fica no nome da mulher. Após a assinatura do contrato, haverá 30 dias para mudar para o imóvel e passa ser responsável pela manutenção do próprio, assumindo todas as despesas. E as mensalidades devem ser pagas mensalmente até o vencimento de 120 meses.

No site da Caixa existe um arquivo com todos os documentos necessários para o beneficio.

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016 (Foto: Divulgação)

Inscrição RS, Minha Casa Minha Vida 2016 (Foto: Divulgação)

O que fazer para não perder o imóvel:

A mudança para o novo imóvel deve ocorrer em no máximo 30 dias após a assinatura do contrato; Pagar as prestações e respectivos gastos do imóvel se caso 3 meses de prestações não forem pagos pode ocorrer perda do imóvel; Cumprir com o contrato; Morar no imóvel e não vendê-lo, aluga-lo, cede-lo ou empresta-lo; Não usa-lo para comércio ou outros que não de uso residencial;