1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Inscrição Minha Casa Minha Vida Pato Branco PR 2016

Já foram entregues no município de Pato Branco PR diversas unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida, destinadas para as famílias que já haviam realizado a Inscrição no Programa. E ainda é possível para as famílias de baixa renda realizar a inscrição Minha Casa Minha Vida Pato Branco PR 2016.

Veja os documentos exigidos para os compradores dos imóveis do Programa Minha Casa Minha vida

Após realizar a sua inscrição no programa Minha Casa Minha Vida Pato Branco PR 2015 é necessário apresentar os seguintes documentos para financiar seu imóvel próprio.

Primeiramente é preciso preencher a Proposta de financiamento, que pode ser encontrada no site do Banco do Brasil e apresentar os seguintes documentos:

– Comprovante de estado civil para casados: certidão de casamento e escritura do pacto antenupcial registrada.

– Comprovante de estado civil para viúvo(a): certidão de casamento, com averbação da viuvez ou certidão de óbito.

– Comprovante de estado civil: para solteiros não há necessidade. Em caso de união estável: declaração de união estável registrada ou não no cartório de notas.

– Comprovante de estado civil para separado(a): certidão de casamento com averbação da separação ou divórcio

– Declaração para enquadramento no Programa Minha Casa Minha Vida – o modelo é fornecido pelo Banco do Brasil

Minha casa Minha vida Simulador (Imagem: Divulgação)

Minha casa Minha vida Simulador (Imagem: Divulgação)

– Comprovante de renda – tem de ser do mês atual ou no máximo do segundo mês anterior ao cálculo da solicitação da análise de crédito.

– Para autônomo, o Banco do Brasil aceita: declaração de renda redigida de próprio punho, informando os rendimentos mensais do proponente e seu ramo de atividade; declaração comprobatória de percepção de rendimentos (Decore), documento emitido por um contador; comprovante de recolhimento do INSS, acompanhado da declaração de rendimentos do cliente e declaração de Imposto de Renda, com respectivo recibo de entrega. Já a Caixa aceita: contrato de aluguel/arrendamento; contrato de prestação de serviços; contribuição INSS; Decore com DARF; extrato de aplicação financeira; notas fiscais de vendas (atividade rural); recibo pagamento autônomo (RPA); recolhimento de ISS; sentença judicial (pensão alimentícia/judicial)

– Declaração completa de Imposto de Renda ou declaração de isento